sexta-feira, 12 de março de 2010

Amar sem nunca ter beijado 5°cap.

            O pior é que eu não posso fazer nada pra mudar a historia, o que um garoto de doze anos poderia fazer se a garota que ele gosta mora longe? Longe não impossível pra mim. Com doze anos eu não consigo nem sair da minha cidade que dirá do um país.
            Sim, ela mora em outro país.
            O que me deixa mais conformado é que fim do ano ela volta, e eu também, o difícil vai ser agüentar ate lá.

                        Estou indo pra Marechal Cândido Rondon com o coração
                               na mão, machucado, ferido, sofrendo e com dor sabendo
                               que seu grande amor foi em borá sem ouvir de minha boca,
                               Eu Te Amo.
Trechos da carta escrita por mim para ela, na volta para casa, ainda no ônibus




Já estou na minha cidade, mas nada faz sentido sem ela comigo.
Faz dois meses que não a vejo, não tenho noticias, não tenho fotos, apenas lembranças.
Hoje beijei uma garota e por alguns minutos eu tive a sensação de estar beijando ela. Cada dia que passa é mais difícil, às vezes eu até esqueço-me dela, mas ai toca uma musica, ou vejo coisas e ai vem tudo. Estou decidido quero hoje dormir e amanhã acordar e ter lá esquecido

                        6 meses depois

            - Mãe pega minha mochila?
            - AH, Jê vai passar aqui?  - pergunta minha mãe
            - Sim.
                        AH, Jê é minha namorada, há exatos três meses, eu não a amo como ama a Jú, mas confesso que ela me faz esquecer-se das coisas que passei. Ela vem aqui em casa todos os dias, nós vamos juntos ao colégio, mas hoje depois do colégio vamos a um lago aqui perto com alguns amigos para jogar conversa fora e namorar um pouco.
                         
                        Em algum lugar do lago
Estávamos sentados a beira do lago, ao longe o sol se Poe, era um pouco frio, jogávamos farelos de biscoitos na água para os peixes virem se alimentar, com uma virada de corpo ela se deita em colo e ficamos olho a olho, com uma voz suave e um olhar apaixonado ela me diz:
Continua no próximo post.




PS1.: E ai o que ela vai dizer? Amanhã mais um capitulo! Então COMENTEM
PS2.: Desculpem a demora pra postar, mas ainda naquele mesmo problema!
Beijos AMO VOCÊS e obrigado por tudo <3

9 comentários:

  1. adorei mais to muito curiosaa que misteriO kk'bjO

    ResponderExcluir
  2. Lindooo *--------* Como todos outros ♥♥

    ResponderExcluir
  3. Ain eu Acheii Maravilhoso! Te Adoroo Lindo!
    Não esquece em SAPIRANGA RS rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  4. Muito bom, realmente muito bom.
    Quem consegue despertar a curiosidade na leitura, e faz com que a pessoa queira ler mais e mais, principalmente com dor de cabeça e lendo no pc ainda, tem talento, muito talento.
    Pense seriamente em publica-los em um livro.
    O unico problema é que nunca vamos nos contentar com poucas linhas, tem que passar de 500 pp ><
    Mas pra que existe o segundo volume? :X haha
    Não querendo compara-lo a uma escritora mulher, e espero que não leves a mal, mas lembrei das historias engraçadas e romanticas da Meg Cabot.

    Eu ri quando li que você é/era Marechal Cândido Rondon, realmente tenho um amigo que morava ai, e ele é um querido, você aparenta ser também, até porque não sabemos escrever aquilo que não conheçemos, acabamos mostrando o que somo.
    Mas resumindo: Muito bom, espero que um dia veja seus livros na livraria e na minha estante.

    ResponderExcluir
  5. AAh Adorei Seu blog!!!
    Sou Nova aki e adoreiii as histórias
    E quanto a demora, tudo bem neh, você tbm tem uma vida fora do blog.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  6. nossa o que vc ta escrevendo se parece muito com o que eu estou passando mtmtmt legal

    ResponderExcluir
  7. gostei muito do seu Blog,as historias são muito boas,vc é um fofo *-*

    ResponderExcluir
  8. Ah, eu só não gostei de você ter namorado com outra garota.Ainda vai rolar pelo menos um beijo com a Jú né? vai, vai, vai? CURIOSA *-*

    ResponderExcluir