quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Amar sem nunca ter beijado 3°cap.

Minha segunda semana ali, e já estava la com toda a galera, minha prima me apresentou pra tanta gente que eu nem me lembro o nome de todos
- Cezar sabe jogar bets?
aaf! Quem não sabe jogar isso?
- Sei sim - assim que me viro vejo ela vir la da esquina, o shorts curto e uma blusa branca deixavam ela linda. Meus olhos acompanharam seu caminhar que me fazia se encantar ali. O vento espalhava seus cabelos a deixando ainda mais perfeita.
Tom Jobim e Vinicius de Moraes com certeza não conheciam ela quando escreveram Garota De Ipanema, por ela é bem mais bonita que a Helô Pinheiro. Não parecia a Juliane de ontem.
- Ju, faz dupla com o Cezar e vem jogar - gritou minha prima.
- Ta bom
Eu fiz que nem escutei, mas não sei por qeu por dentro eu pulava de alegria.
Sem mentiras, formamos uma dupla perfeita, só paramos de ganhar por que perderam a bolinha.
- Ei, vamos tomar terere? alguém gritou.
- Vamos sim. responderam
Sentei de um lado da rua e ela de outro, trocamos olhares, mas desviávamos quando percebíamos que um olhava o outro ao mesmo tempo. Eu me encantava cada vez mais.
Com uma pedrinha escrevi seu nome e o meu no chão
do outro lado ela escrevia também. Quando se levantou e saiu fui ver o que estava escrito e me surpreendi ao ver ... Continua no próximo post


PS1.: e ai o que será que estava escrito no asfalto? COMENTEM

PS2.: o blog esta com um Twitter lá você encontra os links das pastagens Segue lá @garotosamam
PS3.: Desculpem a demora pra postar o capitulo, mas é que minha irmã esta no hospital e ai to sem cabeça pra escrever, espero que entendam :)

beijos @cezarfruhaufs

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Amar sem nunca ter beijado 2°cap.

- Ouve essa - Conta pra ele Ju.
- É que eu e meu pai fomos comprar ração pro cachorro e vimos um cachorrinho lindo,
todo peludo, super fofo e compramos.
Ela disse isso séria, olhando pra mim, com aqueles olhos azuis e que olhos azuis.
- E ai quando chegamos em casa, tiramos a ração e esquecemos do cachorro. Ele ficou la dentro,
o carro no Sol e tudo, e ai a gente veio pra cá, ele ficou sete dias dentro do carro sem água e sem
comida.
Ai ela ficou quita e me olhando.
- E ai ele morreu? eu disse
- Não, era de pelúcia!
Que raiva que senti naquela hora, fiquei com cara de bobo.
Ai minha prima rindo disse:
- Não, para! Agora é sério. - parou de rir e terminou:
- Na minha escola uns garotos apareceu um cachorro e uns garotos pegaram uma seringa com gasolina
e injetaram nele. Coitado, ficou louco e começou a correr, correu uns cinquenta metros, de repente ele parou
e caiu.
- MORREU? eu disse assustado e curioso
- AH Não, acabou a gasolina!
E elas terminaram de rir da minha cara. Fui o palhaço da vez.
- Eu achei que um raio não caia duas vezes no mesmo lugar, mas caiu. - disse minha prima.
Agora eu teria que aturar a família toda e mais os amigos delas tirando da minha cara... Continua no próximo post!


PS1.: AH o post de hoje ta um pouquinho engraçado, gostaram? COMENTEM e sigam o blog vamos aumentar
a família!
PS2.: Bom ta um pouquinho difícil postar todos dias, já que começou a faculdade, mas prometo que mais de um dia sem postar não fica, ok?

tenham um bom dia, beijos ;*
Amo vocês ♥

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Amar sem nunca ter beijado 1°cap.

Estava deitado no sofá com fones no ouvido, o sofá ficava no canto da sala, as paredes brancas, no centro uma mesinha com um vaso de flores e alguns controles remotos, no outro canto da sala a televisão ligada, passava algum seriado ou algo do gênero, a luz apagada deixava um clima meio "triste" ao local. Não sei o que senta, mas a angustia me dizia que algo ruim estava se passando com alguém.
O Telefone toca, do outro lado uma voz feminina alegre diz:
- Oi primo
- Oi prima. Respondi feliz ao reconhecer a voz da Camila
- Então, a Fran vai fazer a festa de 15 anos, e a gente ta ligando pra te convidar você vem né?
- Claro que vou. Respondi calmo, mas com uma tremenda alegria por dentro!
Ah, era a chance pra rever a Ju. Eu suspirava.
Eu me alegrei tanto que desliguei o telefone e sai pela casa cantando, era o que precisava, fui até o quarto deitei na cama, abracei o travesseiro e lembrei das outras vezes que tinha ido na casa dela.

AMAR SEM NUNCA TER BEIJADO

Seis anos antes!

Seis horas da manha, eu acabei de acordar, daqui a pouco saio pra ir pra rodoviária, é a primeira vez que vou na casa da minha tia. Confesso que estou ansioso, na verdade muito, faz uma semana que minha mala esta arrumada.
No ônibus eu comi tanta coisa, que passei mal, lembro terem me entupido de dramin, é aqueles compimidinhos pra gente não vomitar.
Depois de horas de viajem, chegamos, minha prima já estava na rodoviária nos esperando. Ah eu cheguei na casa dela e fui direto pra cama dormir, estava

10hrs00min do dia seguinte

- Primo, Primo. Entra gritando minha e mais uma garota no quarto.
- Ouve essa - Conta pra ele Ju. Continua no Próximo post.


PS1.: AAH o primeiro capitulo de Amar se nunca ter beijado, já vou dizendo a historia é grande e detalhada. Mas e ai, o que acham que vai acontecer? COMENTEM!
PS2: Peço desculpas pela mau contada "Ultima Historia" é que não dava mais pra mim contar ela, me machucava, entendem?

Boa Semana pra todos, beeijos ;* e obrigado por tudo sério


sábado, 13 de fevereiro de 2010

Confissões de um Fake 3° cap. FIM

Até que surge a Liis e a Alle, a Liis veio pra ser namorada e a Alle a irmanzinha, na vida real elas eram amigas, o fato é que eu namorei a Liis e me apaixonei por ela, ela era a garota perfeita. Linda, educada, e divertida.
Coisas que a Alle me contava sempre de que a Liis perguntava as garotas o que elas queria comigo, era a Liis que o Nando amava e Alle apenas entrou na historia, duas pessoas diferente e a mesma pessoa Fernando e Nando, gostavam da mesma pessoa.
Ambas eram da mesma cidade que eu. A Liis eu conhecia, mas a Alle não, e ainda não conheço, elas eram lindas pessoalmente, mas se soubessem quem era na realidade aquele garoto fofo, lindo e educado que conversava com elas, me odiariam talvez para o resto da vida.
Garotas perfeitas, e eu comecei a gostar da Liss de verdade, cheguei a passar horas conversando com ela no msn, enquanto achava que eu e a Alle nos gostávamos, mas a Alle era a minha melhor amiga. Lembro de um dia ela ter me contado de um garoto, que ela estava afim, eu falei como deveria se comportar, o que deveria fazer, ela foi bem sucedida com o romance.
Mas com toda essa historia acabei ficando mais perto da Alle e mais longe da Liis, o que pra ela foi ruim, começou o ciúme e foi quando a Alle falou que ela tinha vindo conversar com ela que eu me toquei ande eu tinha chegado. Foi a pior coisa que eu já fiz, mexer com o sentimento dos outros, me sinto um NADA agora um completo inútil.
Mas ai, eu resolvi por um fim em tudo terminei com ela, e sumi do Orkut Fake por um longo tempo. Achei que assim ela iria me esquecer e eu esquecer essa historia, mas não foi o que aconteceu.
Enquanto eu escrevo este post, estou com uma tremenda duvida, conto ou não a verdade pra ela, eu gostei dela de verdade, não sei se ainda gosto. Mas a verdade é que ela vai me ODIAR pro resto da vida por isso.

PS1.: A historia terminou, na verdade acabou aqui, foi só que rolou em tudo isso. Sim eu me sinto mal com o que aconteceu. Era pra ser um Orkut Fake com pessoas Fakes, pena que acabou assim. COMENTEM

PS2.: A Próxima Historia é ... Amar sem nunca ter beijado!

Beeijos e Obrigado por tudo vocês são uns amores

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Confissões de um Fake 2° cap.

Todo Fake tem uma namorada, e com o Nando não seria diferente, mas não foi a Vitoria, eu não teria coragem de fazer ela sofrer, e se viesse a descobrir que eu era uma mentira, como seria? Minha primeira namorada fake, foi a Luiza, não era fake e se apaixonou de verdade, e eu começava a me sentir mal, mas não queria falar pra ela que não era eu.
Quando comecei a namorar a Luiza todas, ou quase todas as suas amigas me adicionaram, algumas me chamando de cunhadinho e outras dando em cima de mim, só pra ver ela com ciúmes, e como ela era ciumenta, quando uma garota me mandava um recado carinhoso, ela já visitava, as vezes ate adicionava e deixava recados.
Isso tudo afastava as pessoas de mim, o que pra mim era ruim, afinal quanto mais pessoas adicionadas, mais chances de ter mais ainda. Mas a Luiza era carinhosa e divertida, tínhamos ate combinado de nos encontrar (é claro que isso não aconteceria) mas pra deixa-la feliz, mais uma mentira em meio a enumeras que eu inventava a cada dia.
Mas a pessoa que eu mais gostava de conversar era a Vitoria mesmo, ela era divertida e inteligente, uma garota de 15 anos com um papo de uns 18, e as vezes com papo de 10 anos. O que era bom e eu nem via a hora passar, ela me contou enumeras coisas, talvez coisas que nem suas melhores amigas saibam só eu. Mas a manu tinha namorado e eu não iria destruir a vida de uma pessoa. Até que surge a Mai. Continua no próximo post


PS1.:  Essa historia é invensão.

PS2.: E ai gostaram? ou melhor estão gostando? Dicas, sugestões ou reclamações são sempre bem vindas. COMENTEM eu gosto de ler os comentários

AJUDA: Participem da comunidade do blog? http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=98291819

beeijos do @cezar_rawr

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Confissões de um Fake 1° cap.


23h30min

Cansado das mesmas coisas na Internet eu criei o Nando a uns seis meses, mas se eu soubesse a repercussão e ao ponto que isso fosse chegar eu teria clicado em "cancelar" em vez de "criar conta".
Foram dois meses de conversas com outros fakes, eu me divertia mais ali do que no meu oficial, até o dia em que resolvi adicionar uma garota não fake.

CONFISSÕES DE UM FAKE

Já é noite e eu acabara de chegar em casa, cansado por sinal, depois de um dia de trabalho e uma noite de aulas. Sem contar a noite mal dormida do dia anterior, eu teria todos os motivos do mundo para deitar em minha cama e dormir até o Sol nascer. Mas não era isso que eu quero na verdade, são onze e meia da noite e ela esta lá me esperando pra mais uma longa noite. Eu não queria assumir que na verdade estou apaixonado, mas e ela? Ela se quer sabe meu verdadeiro eu, na verdade conhece até mais que meus amigos pessoais. Já eu a conheço melhor do que ninguém, em quando Vitoria vê apenas imagens que a fazem quer que sou eu. Fora deste mundo eu sei quem ela é, conheço sua família, seus amigos e a conheço também, só que ela não, quer dizer, talvez ate saiba, mas nem se passa na cabeça que sou eu o seu grande amor.
Fernando conhece a imagem da Vitoria, mas é o Nando que conhece o intimo dela. É estranho como Fernando e Nando são as mesmas pessoas e ao mesmo tempo são outras.
nossa primeira conversa:

Nando_ diz:
ooi, tudo bom?
Vitoria :) diz:
Tudo e você amor?
Nando_ diz:
estou bem também, tem quantos anos?
Vitoria :) diz:
14 aninhos e ti nando?
Nando_ diz:
17 *--*
Nando_ diz:
você é tão linda '--'
Vitoria :) diz:
Obrigada :$ você também é bem lindo

Mal sabia ela, que ali começava uma longa amizade. Que se transformaria em amor!

PS1: Nossa já acabou Separados pelo destino, nem parece, e Confissões de um Fake chegou pra mostrar a realidade do que eles sentem! COMENTEM
PS2: E ai quem tem ou quem já teve um fake? COMENTEM


segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 10° cap. (Final)

Era o ultimo dia de aula no tão sonhado ensino médio, seis e meia da manhã, ouço o despertador eu já estava acordado a mais ou menos uma hora, não era aquele mesmo frio na barriga do primeiro dia, hoje Stefani voltaria pra ficar, é já se foram os dois anos que que tanto demoraram, me pergunta se estou feliz? Aquele mais ou menos um hora era mentira, eu nem dormi de ansiedade. Levantei e caminhei apresado para o banheiro, escovei os dentes e puuf de baixo do chuveiro, sai do banho e já fui pro quarto, meia, calça, camiseta arrumar o cabelo, e é claro PERFUME.
Se no primeiro dia de aula eu não sabia pra quem eu me arrumei todo, agora eu sabia, no final da aula eu iria para a rodoviária ver meu AMOR chegar.
Estava feliz, contente, passei na cozinha o café estava pronto, tudo arrumado. Sabe, eu não tinha fome, mas mesmo assim não recusei o cafezinho que minha mãe tinha deixado pronto.
Estava eu e a minha sala toda na rodoviária esperando ela. Quando o ônibus chegou todos começaram a gritas e a abrir cartazes com frase
ESTEFANI O DIOGO TE AMA E SEMPRE VAI TE AMAR. Isso era coisa do Bruno, mas foi bom, meu coração parecia que iria sair pela boca de tanta felicidade. E quando ela desceu e veio ao meu encontra, eu não precisava de mais nada era tudo o que eu mais queria. Reencontrar ela e saber que nunca me esqueceu. Eu podia sentir seu coração batendo forte era olho no olho e todos chorando de emoção.
FINALMENTE ESTÁVAMOS JUNTOS, E PARA NUNCA MAIS NOS SEPARARMOS!
fim

PS1.: Ahe a historia acabou e com final feliz, O que todos queriamos era que eles ficassem juntos e ficaram! COMENTEM
PS2.: e vem ai a próxima historia Confissões de um Fake

Beijos Loves
@cezarfruhaufs

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 9°Cap.

Era hora de Stefani ir em borra, aos choros nos despedimos mas antes de tudo ela pediu que eu não a esquece-se, estávamos na rodoviária os pais dela já aviam ido, Stefani ficou mais alguns dias
e deixou para ir de ônibus . Ali, esperando abraçados, passou toda a nossa historia em segundos na minha cabeça, o amor que eu sempre quis viver estava agora perdendo, mas o pior era ter que assistir a essa tragédia sem poder fazer nada.
- Bom Stefani, vão ser longos dois anos assim, quando terminarmos os estudos e formos de maior você volta e a gente casa.
- Diogo, diz que vai me ligar todos os dias, nem que for pra dizer que ta com saudades ou que me ama.
- Claro meu amor.
- E me promete, que se encontrar outra garota eu vou ser a primeira a saber?
- Para Stefani, não vai ter outra garota. É só você que eu quero e mais ninguém.
O ônibus acabara de chegar a rodoviária, nesse momento a gente se abraçava forte
e chorando, prometíamos não esquecer um do outro. Sim, deveríamos ter feito essa promessa
umas três vezes no mínimo, mas me confortava um pouco ouvir dela, que nuca ia me esquecer.
Ali parado na rodoviária , acompanhei o ônibus se distanciando, como ele levando meu grande amor.
Esses dois anos talvez vão ser os mais longos de toda minha vida. Pra quem já aprendeu a viver junto, a compartilhar os melhores momentos, a ser ajudado no piores, viver sem vai ser a parte dura da historia.

Um ano depois

- Mãe, cheguei!
- Diogo como foi lá?
- foi ótimo, ela ta linda e nesse tempo toda não me esqueceu
Foram os 10 melhores dias deste que ela se foi, eu tinha acabado de chegar da cidade dela
Foi tudo maravilhoso, agora eram só mais um ano e ela viria pra ficar aqui. Pra sempre
E esse ano vai passar rápido. Continua no próximo post

PS1.: Pelo visto, eles vão ficar juntos no final né? haha que bom depois de tudo o que já passaram nada mais do que merecido não acham? COMENTEM!

PS2.: Amanhã é o ultimo capitulo de Separados pelo Destino. Vou confessar que escrever sempre foi uma paixão, e agora eu realizei um dos meus sonhos.

PS3.: Terça-Feira já tem historia nova, fiquem ligados

beeijos, eu amo vocês (L)

@cezarfruhaufs

sábado, 6 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 8°Cap.

Eu disse olhando nos olhos dela
- Stefani!
- O que foi Diogo. Me respondeu chorando.
- A gente só tem uma saída.
- Qual? e com um olhar confiante mas por dentro com medo eu disse:
- Fugir!
- Mas fugir Diogo, vamos ir pra onde?Ela me respondeu assustada
- Não sei, mas isso não pode terminar assim.
Eu sei que isso seria impossível, e que não aconteceria, mas era só uma idéia
pra gente fazer algo juntos.

- É Stefani, não temos condições de fugir mesmo.

Ela abaixou a cabeça por uns instantes, respirou fundo me olhou e disse já chorando novamente.


Horas depois!

Esta Stefani e eu sentados na varanda de casa quando minha mãe veio e disse:
- Tem um parque de diversão na cidade, por que você não vão? Vai ser bom pra vocês.
- É Stefani vamos?
- Não sei se tenho animo pra fazer algo ainda.
Depois de ter convencido Stefani, minha mãe nos levou até lá. Passeamos por todo o parque
e quando chegamos na montanha russa, ela disse que nunca tinha andado por medo.
Então fomos, e quando a montanha russa deu aquela parada lá em cima. ela olhou pra mim e disse:
- Me promete uma coisa Diogo?
- Claro, tudo o que você quiser.
- Promete que não vai me esquecer ? Que vai me visitar em todas as férias?
- Claro Stefani, eu te amo, vamos passar isso juntos. Vai ser difícil viver assim longe, mas vamos superar tudo. E quando terminar os estudos a gente fica junto pro resto da vida.
Não sei o que senti neste momento, felicidade e tristeza se misturavam. Por um lado estava feliz por que sentia que ela me amava de verdade, mas por outro estava triste por ela ter que partir.
Ali na montanha russa, ela me deu o melhor beijo da minha vida, não em termos de gosto, mas por ser um beijo de dois apaixonados. Continua no próximo post

PS1.: Nossa, eu chorei com essa parte da montanha Russa sério. Mas e ai gostaram? já esta chegando ao final e o que vocês acham? eles vão ficar juntos ? COMENTEM
PS2.: Queria agradecer a @_bigaa pela ajuda OBG amor!



sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 7°Cap.

A gente já estava namorando a algum tempo quando a mãe dela
recebe uma proposta para voltar ao seu antigo cargo na empresa na qual trabalhava.
Eu sempre quis uma historia de amor, lutei tanto por ela que acabei esquecendo
que nem todas as historias de amor, tem fiais felizes. Era o meu caso!
Foi a pior noticia que tive em toda a minha vida, me via como um inútil sem ter o que fazer, afinal erramos de menor e Stefani teria que ir junto com sua mãe!
Sei que nada dura para sempre, mas o que o destino nos guardou me
parecia um tanto quanto SACANAGEM, Pra quem pretendia passar o resto
da vida juntos.
Eu já não queria mais viver, não tinha mais sentido, ela era tudo pra mim, e o que parecia impossível, nos separaríamos mas eu jamais deixarei de ama-lá.

Já que não podemos mudar o destino, vamos pelo menos fazer com que o resto
do tempo que passarmos juntos seja inesquecível.

Teremos só mais uma semana juntos , eu juro que vou fazer desta a melhor semana
de nossas vidas! continua no próximo post


PS1.: Que triste o que aconteceu, não? mas e ai o que acham que vai rolar nesta ultima semana que eles passaram juntos? Eu prometo muitas emoções ainda. Confiram!
PS2.: Agora o blog tem uma cmm criada pela @juu_becker PARTICIPEM!

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 6° cap.

Vocês garotas não imaginam como é difícil pedi-las em namoro!
Estava eu agora imaginando como pedir a Stefani em namoro.

- Rosas, bombons, flores

- Será que eu me ajoelho e digo te amo?

- Será que eu paro a aula de matemática, e faço um discurso?

EU ASSUMO, NÃO FAÇO A MÍNIMA IDÉIA DE COMO PEDIR UMA GAROTA EM NAMORO !

Mas foi tão rápido que eu até gritei:

- Já SEI!

No dia seguinte em algum lugar do colégio

- Bruno, me da uma ajuda?

- O que você vai fazer?

(cochichos)

- Vai lá na radio do colégio na hora do intervalo e pede pra toda a galera vir aqui no saguão, inclusive a Stefani!
Eu estava no saguão já, quando ouvi o anuncio na radio, aquilo foi instantâneo, os alunos vieram todos, inclusive ela. Eu soava e tremia, mas tive coragem e chamei Stefani até ao centro, é por que tinham nos cercado!

- O que foi Diogo? Ela perguntou assustada
Eu olhei nos olhos dela e disse:

- No começo de Tudo, eu te odiava te achava a garota mais metida deste colégio, mas as coisas foram mudando, a garota arrogante e patricinha, ganhou meu coração e de uma forma que vai ser difícil perde-lo.

Stefani me olhava de um jeito, que me dava coragem de falar cada vez mais.
Vi que ela segurava para não chorar. E então continuei falando.

- Tudo em você é perfeito pra mim. O jeito como me olha, a sua voz ao chamar meu nome, a força na qual me abraça, a fragilidade na qual me beija. O sorriso quando eu digo algo engraçado, a jeito como me da bronca quando faço algo errado, tudo isso é perfeito em ti aos meus olhos.
Ela não tinha fala para me responder, percebia que estava emocionada, e a gente ficou se olhando por alguns segundos. Até que o colégio inteiro gritou:

- STEFANI QUER NAMORAR COM O DIOGO?

Confesso que até eu me arrepiei e fiquei surpreso com a reação de todos. Mas ela me olhou já chorando e respondeu:

- Sim, é tudo o que eu mais quero.
Então eu tirei uma aliança do meu bolso e coloquei em seu dedo e nos abraçamos já chorando os dois, aos gritos e aplausos do colégio todo, alguns choravam também junto com a gente. Continua no próximo post.

PS1.: e ai gostaram, do pedido de namoro do Diogo? COMENTEM
PS2.: Desculpem não ter postado ontem mas é que meu Twitter foi suspenço e estava tentando recuperar ele. Ai não consegui postar me desculpem, eu AMO VOCÊS @Ceeh_Fruhauf

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 5° Cap.

Será que começava aqui aquela historia de amor que eu tanto sonhava?

É acho que sim, a sorte bateu na minha porta, mas bateu de jeito, por que ela era perfeita pra mim agora.

26 de maio, 2:00 da manhã

- O que ta acontecendo comigo?

Depois de ontem não paro de pensar nela, aquele jeito arrogante e de menina metida que eu tanto odiava, mas aquele beijo mudou o que eu sentia por ela, ara algo diferente, eu não sei explicar, sinto que agora estou apaixonado por ela, não pode ser foi um simples beijos e nada mais que me deixou assim.

28 de maio algum horário da manhã

É já se passaram três meses de aula, e faz três dias que a gente se beijou, ela não sai da minha cabeça.

- Mãe, to indo pro colégio!

Sabe, o que estava acontecendo comigo era tudo o que um garoto sonha, começar o ano, e ter aquela garota linda que se apaixona por você. Ah será isso amor que eu sinto?

Eu estava sentado, no banco do colégio, quando ela apareceu no portão, na hora alegrou meu dia, diferente dos outros, ela passou me olhando, diferente das outras, a aula foi a mais tranquila do ano, todos estranhavam, mas ninguém teve coragem de pedir o que estava acontecendo, a gente se olhava às vezes, mas quando percebíamos que nossos olhares se cruzavam desviávamos.

Alguns dias depois!

Em algum lugar do colégio!

- Bruno pode falar com tigo cara?

- Claro, fala ai! Ele respondeu

- Então, você é meu único amigo que tem namorada, me ajuda?

- Claro o que ouve?

- A cada dia que passo eu gosto mais da Stefani, ontem era uma paixão, hoje é um amor!

e não sei o que fazer.

- Nara por que você não a pede em namoro? Me sugeriu ele

- Namoro? Sara que ela aceita? Eu respondi espantado

- Ah, com um pedido bem romântico, garota alguma recusa

- Será? Eu insisti com uma cara de confuso, mas por dentro eu explodia de alegria. (...) Continua no próximo post

PS.1: E então, Será que ele vai criar coragem e vai pedir ela em namoro?

OS.2: Ainda não terminei a historia, comentem as suas ideias. Se ele tomar coragem e pedir ela em namoro como poderia ser? COMENTEM!

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Separados pelo destino 4°Cap.

mas não deu, meu coração falou mais alto, e fui até lá conversar com ela. Era nossa primeira conversa, como amigos, perguntei o motivo por tanto choro

- olha isso Diogo, meu trabalho ta todo molhado.

- mas fala com a professora, ela vai entender.

- até parece que você não conhece ela,

É verdade, eu sabia que não iria aceitar o trabalho dela.

Então me veio algo nunca pensado na minha cabeça, eu olhei pra Stefani e disse.

- Você tem uma caneta ai?

- Sim. Ela me disse

- Então me empresta.

- Esta bem.

Peguei a caneta e coloquei o nome dela no trabalho. Afinal era, em dupla, mas eu tinha feito sozinho. Stefani me olhou como nunca tinha me olhado antes.

- porque você fez isso? Não gosta de mim

Olho no olho eu disse.

- Quer saber, eu não gosto mesmo de você, eu to apaixonado por você.

Minhas pernas tremiam, minhas mãos soavam e meu coração, batia tanto

- Diogo! Ao dizer meu nome ela abaixou a cabeça

- Eu também

- Eu também o que Stefani?

- Eu também to apaixonada por você, pronto falei

Meu mundo explodia de alegria nesse momento, acho que a ultima vez que senti isso foi quando ganhei meu primeiro skate os meus 12 anos.

Como que em um impulso a gente se beijou, foi algo maravilhoso. Na minha cabeça tocava aquela musica do

Chris Brown, With You

I need you boo, (oh) Eu preciso de você, amor

I gotta see you boo (hey) Eu tenho que te ver,amor

And there're hearts all over the world tonight, ha corações espalhados pelo mundo hoje a noite



Será que começava aqui aquela historia de amor que eu tanto sonhava? (...)

Continua no próximo post!


PS.: e então gostaram? o que acham que vai acontecer agora? COMETEM!

Beeijos :D